Damasco com gorgonzola

Standard

Há paladares que se combinam maravilhosamente bem. Um trio perfeito: espumante bem gelado e damasco recheado com gorgonzola.

Ingredientes: 200 gr. de damasco, 150 gr. de queijo gorgonzola, leite, amido de milho, creme de leite (mantenha sempre uma caixinha na geladeira para o creme ter uma consistência firme quando for acrescentá-lo às receitas). Opcional: gergelim preto.

Escolha damascos claros e macios. Parta-os ao meio sem separar as duas metades, como se corta pão para sanduiche. Reserve.

Para a pasta de gorgonzola: amasse o queijo na temperatura natural com um garfinho. Leve-o ao fogo brando já misturado com ½ xícara de café de leite. Continue juntando leite aos pouquinhos, até formar um creme ralo (como sopa) e homogêneo. Misture 1 colher de chá de amido de milho (maizena) com ½ xícara de café de água fria e acrescente ao creme, mexendo sem parar com uma colher de pau até adquirir uma consistência de purê. Junte o creme de leite gelado na proporção de metade do creme de gorgonzola. Não deixe ferver. Prove o sal; acrescente, se quiser, uma pitadinha de pimenta do reino branca e outra de noz moscada. O ponto final da pasta deve ser firme o suficiente para recheio. Coloque a pasta na geladeira com 2 horas de antecedência. Perto da hora de servir, recheie os damascos.

Enfeite com gergelim preto torrado ligeiramente em uma frigideira.

Quer esta receita impressa? Clique aqui para baixar o PDF e imprimí-la.

Creme de feijão branco com gorgonzola

Standard

O feijão branco e a fava são pouco valorizados e consumidos em Minas Gerais, talvez por falta de criatividade. Uma opção deliciosa é usar o feijão branco no Cassoulet de Pato (receita francesa) , outra é usar a fava na famosa Favada Asturiana (oba, lembrei desta receita espanhola, qualquer dia desses vamos fazê-la). Na culinária portuguesa é muito usado em saladas, uma boa dica é misturar os bagos de feijão branco, cozido e temperado, com bacalhau e cheiro verde. Para dar graça ao caldo de feijão branco é interessante acrescentar linguiça e bacon. Porém, hoje vamos a uma receita que tem um gostinho sofisticado:

Creme de feijão branco com gorgonzola

Para 4 pessoas, separe: 2 xícaras de chá de feijão branco, já cozido e sem caldo,1 xícara de café de cebola batidinha, 1 xícara de café de leite e outra de creme de leite, 1 colher de chá cheia de queijo gorgonzola ou roquefort. Para o tempero, irá usar: sal, alho, noz moscada e pimenta de reino branca.

O tempo de cozimento do feijão depende muito, se é novo, vai levar pouco tempo. Geralmente é suficiente cozinhar 10 minutos na panela de pressão (conte o tempo depois que começar a apitar). Enquanto o feijão cozinha, pique uma cebola pequena e prepare o creme de queijo: pique um pedaço de gorgonzola (ou roquefort) equivalente a uma colher de sopa bem cheia e amasse. Misture com o leite e leve ao fogo ou ao microondas para derreter.

Despeje uma colher de chá de óleo ou manteiga na panela, frite a cebola e o sal com alho até dourar. Acrescente os bagos do feijão, sem o caldo e frite-os. Reserve a terça parte do feijão cozido na panela e bata o restante no liquidificador junto com o creme de queijo. Volte com o creme batido para a panela e prove o tempero. Acrescentando uma pitadinha de noz moscada e outra de pimenta do reino branca. Deixe cozinhar mais alguns minutinhos. O ponto deve ser de creme grosso, se precisar ralear, uso o caldo do feijão e se precisar engrossar, deixe cozinhar mais, sempre mexendo com uma espátula de silicone ou colher de pau para não agarrar no fundo da panela. Um pouco antes de servir, junte 1 xícara de café de creme de leite, de preferência fresco (o creme de leite pode ser substituído por leite). Decore o creme já servido nos pratos ou cumbucas com pimenta rosa em grãos – além de ficar bonito dá um sabor especial.

Quer esta receita impressa? Clique aqui para baixar o PDF e imprimí-lo.

Salada de endívia com gorgonzola

Standard

Há certos sabores e cores que combinam divinamente, resta-nos descobri-los. Experimente confiar nos seus sentidos e ouse! Dê uma passada em um bom supermercado ou numa boa banca do mercado e siga seu instinto. Escolha o que saltar aos olhos pela cor, aroma ou frescura. Recorra à memória gustativa para selecionar o que combina. Decida-se a inovar e crie algo novo. Usando daquela criatividade que não custa exercitar e caprichando no bom gosto na hora da execução, consiga resultados dos quais possa se orgulhar!

Sábado, cansada da semana de muito trabalho, me dei ao luxo de ir ao supermercado escolher algo diferente. Aí está o resultado. Surpreenda com esta entrada refrescante e bonita, servida como primeiro prato:

Salada de endívias e gorgonzola

Aproveite a oferta de  verão e compre estes produtos: 1 endívia, 1 alface roxa repicada, 1 romã pequena, 100 gr. de queijo gorgonzola e 30 gr. de nozes.

Separe e lave as folhas, retire o excesso de água. Disponha em uma travessa rasa: primeiro as folhas da alface roxa e por cima as folhas da endívia. À parte, amasse o queijo gorgonzola com 2 colheres de leite, triture bem as nozes e misture. Molde a massa em uma colher de sobremesa e repasse para o centro de cada folha de endívia. Decore com as nozes. Abra a romã, retire parte dos bagos e coloque sobre as folhas de endívia.

Do restante da romã, faça o molho para o tempero, que será servido à parte: bata só os bagos da romã no liquidificador e coe para extrair o suco. Junte uma colher de sopa de vinagre de vinho tinto e a mesma medida de azeite. Se tiver em casa, acrescente uma colher de chá de licor de jabuticaba, de cereja ou de morango. Junte uma pitadinha à toa de sal e uma poeira de pimenta do reino. Prove.

Apresente o prato bem decorado. Porém, na hora de comer, oriente seus convidados para, no seu próprio prato, picar as folhas e espalhar sobre elas a pasta de gorgonzola, os bagos de romã e o molho. Vai ouvir: hum…mas que delícia!

Quer esta receita impressa? Clique aqui para baixar o PDF e imprimí-lo.