Empadão de frango da vovó

Standard

Esta é uma das mais tradicionais receitas mineiras e, por assim dizer, é a mãe das empadinhas de frango, pois a receita é a mesma, só varia o tamanho. É também uma mistura da culinária portuguesa com a mineira, pois as empadas nasceram em Portugal, porém eu nunca vi por lá empadinha de frango. A receita que passo hoje é a da minha avó, que por muitos anos teve um buffet e vendia tanto dessa torta quanto das suas famosas empadinhas, ou seja, tudo o que conseguia produzir.

Empadão de frango

Vai precisar de uma forma daquelas de aro de abrir, farinha de trigo, banha e ovos. Para o recheio, veja os ingredientes abaixo. O recheio é feito primeiro do que a massa.

A massa tradicional é feita no sentimento, sem receita de quantidades. Vou tentar colocar aqui as quantidades só para se ter uma ideia, mas sem compromisso de que sairá perfeita, pois tudo depende da qualidade dos ingredientes e da temperatura do dia.

Para uma torta de 26 cm. de diâmetro, use 3 xícaras de farinha de trigo, 1 xícara mal cheia de banha (gordura vegetal hidrogenada, aquela que vende em barra) e 1 ou 2 gemas, dependendo do tamanho. Primeiro, limpe a bancada e coloque a farinha. Junte aos poucos a banha e vá trabalhando a massa com a ponta dos dedos até fazer como se fosse uma farinha grossa. Estando bem misturado, faça um montinho, abra um buraco no meio e junte a gema de ovo. Sove até dar a consistência de massa de abrir. Se estiver esfarelando, junte um tiquinho de água. Se ficar muito mole, coloque mais farinha. Faça duas bolas com a massa, tendo 1/3 e 2/3 da massa cada bola. Tome a bola maior e passe o rolo até obter um círculo de pouco mais de 40 cm. de diâmetro, ou seja, que dê para forrar o fundo e as laterais da forma. Reserve o restante da massa para fazer o segundo círculo, este, um pouco maior do que a forma.

Recheio

Faça o frango refogado como recomendado na receita do blog, usando coxa e sobre-coxa e inclusive retirando a carne dos ossos e voltando com estes para o caldo do frango com mais cebola e tomate para fazer uma caldo bem gostoso como base do recheio. Coe o caldo e volte com ele para a panela. Pique cenoura e batata em cubinhos de 1 cm e coloque para cozinhar neste caldo, sendo que a batata vai primeiro porque cozinha mais rápido que a cenoura. Estes são os ingredientes tradicionais. Quando estiverem cozidos, retire um pouco do caldo e engrosse à parte com amido de milho ou maisena (misture-o antes com um pouquinho de água e depois junte ao caldo e mexa bem até ferver). Volte com o este caldo bem engrossado para a panela e misture delicadamente, para não quebrar a batata. Prove o tempero, junte sal e pimenta se precisar. Há dois outros ingredientes que eu gosto de usar. Você pode escolher entre um e outro ou colocar os dois, que são palmito e champignon-de-paris em conserva, ambos em fatias. Se for colocá-los, não precisam de cozimento, então são misturados no final. O recheio está pronto. Deixe esfriar.

Montagem da torta

Cubra a forma com o círculo maior de massa de modo que fique todo aderente ao fundo. Molde as beiradas, apertando delicadamente com os dedos e deixe sobrar de 1 a 2 cm para fora da forma. Coloque o recheio, deixando sobrar pelo menos 1 cm na altura da forma. Agora venha com o círculo menor e cubra o recheio. Aperte as bordas, colando os dois círculos, passe a faca cortando os excessos. Pegue um garfo e amasse as bordas – isto é para a torta não abrir ao ser assada. Com as sobras que cortou, torne a amassar e passar o rolo até que fique fina. Corte tiras para enfeitar a torta e, se tiver forminhas, pode fazer e colocar por cima flores, bolinhas, corações ou estrelinhas, tal como fazem no interior de Minas. Misture uma gema com um pouquinho de clara e pincele a cobertura da torta, para que, ao assar, dê aquela aparência corada.

Pré aqueça o forno a 200o graus e asse a torta até corar por cima. Desenforme depois de morna.

Pode ser servida morna ou fria.

Quer esta receita impressa? Clique aqui para baixar o PDF e imprimí-lo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s